Web para Todos participa de seminário sobre iniciativas de inclusão na web

O seminário “Novos Paradigmas em Acessibilidade Digital”, no InovaBra Habitat, em São Paulo (SP).


Foto de uma mulher e um homem em pé na frente de um público. Ela está segurando um microfone e o homem está olhando para o slide. Eles estão em uma sala fechada. Ao fundo, há um telão com um texto em destaque: "O movimento se baseia em três pilares: mobilização, educação e transformação".
Simone Freire, idealizadora do Web para Todos, e William Daflita, líder de desenvolvimento do Web para Todos, durante a palestra no Seminário “Novos Paradigmas em Acessibilidade Digital” no InovaBra Habitat.

Nesta terça-feira (19/06), lideranças em iniciativas de inclusão digital de diversos lugares do mundo estiveram no Seminário “Novos Paradigmas em Acessibilidade Digital”, no InovaBra Habitat, em São Paulo (SP). Simone Freire, idealizadora do Movimento Web para Todos, e William Daflita, líder de desenvolvimento do Movimento Web para Todos, fizeram parte do time dos palestrantes. O evento foi organizado pela Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência de São Paulo (SMPED).

O objetivo do encontro foi inspirar e potencializar a promoção da cidadania digital, que tem como referência os princípios da universalidade e da equidade na oferta de serviços e informações.

James Thurston, Vice-Presidente de Estratégia Global e Desenvolvimento da G3ict, foi um dos palestrantes. Ele falou sobre diversos exemplos de tecnologias inclusivas no mundo inteiro e destacou a acessibilidade na área de inovação. “Tudo o que fala de inovação hoje em dia não funciona com inclusão. Existem muitas coisas surgindo nas incubadoras e quase nenhuma é acessível. Precisamos mudar isso. Os dados são muito importantes, mas sabemos que pouco está sendo feito para as pessoas com deficiência. As pessoas com deficiência estão em pequenas ilhas isoladas. Precisamos mudar isso”, alerta.

Reinaldo Ferraz, especialista em desenvolvimento web do W3C Brasil e do Centro de Estudos sobre Tecnologias Web – Ceweb.br/ Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR – NIC.br, foi um dos especialistas participantes do seminário.  Além das palestras, 12 organizações assinaram uma declaração de apoio e difusão institucionais ao Selo de Acessibilidade Digital durante o evento. Todas elas se comprometeram a apoiar a transformação digital divulgando e estimulando o Selo. A programação também contou com a apresentação do Prêmio WSA 2018, premiação em conteúdo digital que tem inscrições abertas até 19 de agosto.

O seminário teve audiodescrição e tradução simultânea para Libras e português. Se você quiser conferir o evento completo, assista ao vídeo da transmissão ao vivo na página da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED).

Outras novidades

Você quer uma web para todos?

Abrace essa causa com a gente e compartilhe com seus amigos!